A BioBIP irá ter no próximo ano um Centro de Experimentação e Prototipagem, Animação e Multimédia, o qual irá contar com  estruturas de suporte que se orientam para atividades e projetos de divulgação, apoio e desenvolvimento nos domínios da fabricação digital, eletrónica, robótica e ciência didática, posicionando-se como especialista nas áreas da animação e multimédia, concebidos e realizados em articulação com empresas e outros parceiros locais e as políticas de desenvolvimento regional. Fazem parte deste centro três núcleos funcionais e complementares entre si:


  • Laboratório de Fabricação Digital

     

    : Espaço onde se encontrarão as máquinas de fabricação digital mais comuns nos FABLAB (Laboratório de Fabricação do inglês Fabrication Laboratory) como seja a fresadora de grandes dimensões, máquina de corte e gravação laser, fresadora de precisão, corte de vinil, impressoras e scanners 3D. Este laboratório integrará a rede nacional e global de FABLAB’s.


  • Laboratório de Eletrónica, Robótica e Ciência Didática

     

    : Laboratório dedicado à eletrónica, robótica e ciência didática, privilegiando-se como um espaço de apoio a projetos, aprendizagem e divulgação de projetos que envolvam estas componentes.


  • Estúdio de Animação e Multimédia

     

    : Espaço destinado a servir de apoio à aprendizagem e realização de filmes de animação, como elemento dinamizador do sector empresarial.

Enquanto espaço de suporte à criatividade e empreendedorismo atuará de forma integrada com entidades de ensino e formação, tecido empresarial e comunidade em geral na promoção de competências empreendedoras (do saber fazer) e no desenvolvimento de projetos de I&D.

Tem como pilares estratégicos a inovação e a tecnologia privilegiando o empreendedorismo através da utilização de recursos e competências focados na investigação e no apoio à realização de projetos, tanto empresariais quanto pessoais, visando assim, a diversificação e o fortalecimento da competitividade da economia local.

Em termos específicos pretende-se:

  • Proporcionar uma interligação mais próxima entre as empresas e o mundo académico, promovendo a criação de produtos e serviços de cariz inovador na Região Alentejo;

  • Ser uma ferramenta de dinamização, atração e renovação das atividades económicas, reforçando o apoio à criação de novos negócios e ao desenvolvimento dos existentes, diversificando a base económica do território;

  • Desenvolver formação em áreas tecnológicas como a robótica, eletrónica, design do produto, digital 3D ou 3D print;

  • Estreitar ligações entre formação profissional, superior e o meio empresarial;

  • Contribuir para a atração de conhecimento através de eventos inovadores e criativos;

  • Potenciar ideias e invenções geradoras de negócios.

O funcionamento do centro privilegiará a filosofia DIY (Do It Yourself ou faça você mesmo) em que as pessoas poderão reservar a utilização dos equipamentos disponíveis podendo também contar o apoio e suporte da equipa técnica do centro que facultará a assistência ou a formação sempre que necessário.

Valentim Realinho

Membro do Gabinete de Empreendedorismo e Emprego enquanto Subdiretor da Escola Superior de Tecnologia e Gestão

Responsável pelo FabLab do Politécnico de Portalegre